O exercício do jornalismo no hip hop angolano

Como disse na primeira nota deste blog, aqui torno público o meu ponto de vista em relação ao movimento hip hop e “wareva, wareva”, assim sendo e independentemente do elo de amizade com o pessoal que organiza os espectaculos, vou criticar o modo de como organizam os seus shows, principalmente o tratamento que dão a quem vai desempenhar a actividade jornalistica.

Raciocinem comigo um pouco, noticiar o hip hop angolano começou no Club-k.net e depois no hipflickz.com e ambas equipas trabalham árduamente para o engrandecimento desta cultura em Angola e não são subsidiados, também não reclamam disto porque fazem por gosto, e o fruto desta actividade esta a olhos de todos, ja tivemos quinzenalmente aos domingos a divulgação no jornal de Angola, as nossas actividades, temos ainda o www.hipflickz.com e “N” blogs que de certa forma contribuem para a nossa informação.

Então alguem por favor me diga porquê que estas pessoas que gratuitamente trabalham para nos informar, são mal atendidas, porquê que estas pessoas têm de ser submetidas a um tratamento nada não encorajador?

O certo para mim é respeitar-se, dar suporte a quem trabalha em prol do hip hop e não dificultar a sua actividade. Não sei porque mas nos shows vê-se exactamente ao contrario. Está errado! Precisa-se mudar de actitude.

Mensagens populares deste blogue

RAINHA DA SUCATA